Onde será a sua Lua de Mel? Veja essas 2 opções.

Ahhhh, enfim a Lua de Mel, Momento mágico, tão aguardado após o corre-corre dos últimos meses de preparação do casamento e, principalmente, após a semana do casamento, com todas as pendências de última hora sendo resolvidas, parentes chegando no aeroporto, entre emoções e ansiedades (suas e dos envolvidos!) para administrar. Ufa! Passou, foi lindo, foi perfeito! Mas agora que venham as merecidas férias!

Onde será a Lua de Mel? Qual o destino? Tantas opções, um mundo de opções, Brasil ou exterior. Praia ou campo? Frio ou calor? Depende.

Muita coisa depende da época do ano em que se está casando e, é claro, das opções, ofertas e valores do momento.

Caribe
Caribe

Nos últimos anos, o Caribe tem sido o grande queridinho dos brasileiros. Em resorts all inclusive os recém casados não se preocupam muito com as coisas, talvez, no máximo, em chamar a atenção do garçon à beira da praia para pedir uma outra bebida.

Os hotéis all inclusive oferecem noites temáticas e os dias são de muita preguiça e intimidade em um pedaço do paraíso. Outros noivos preferem a opção de fazer um tour pela Europa, sendo a Itália um dos pontos mais procurados desde sempre, por todo seu romantismo e gastronomia.

Em média são 10 dias de Lua de Mel, mas tem os casais que se organizam para passar o mês todo, ou grande parte dele, descansando e curtindo o novo momento em sua vida.

Independente do destino escolhido, o mais importante é a companhia e essa prévia do que serão os próximos meses e anos juntos, com muito companheirismo, amizade, sintonia e, claro: carinhos!

 

Sobre a autora:

Priscilla Cintra é publicitária, empresária e cerimonialista. Paulista, está radicada em Brasília há 11 anos. Mãe da linda Helena, já realizou na capital federal mais de 700 formaturas e 150 casamentos.

www.meudiaperfeito.com.br

meudiaperfeito@yahoo.com.br

Zap: 61 98222-1316

Instagram: @meudiaperfeito_cerimonial

Facebook: https://www.facebook.com/pages/Meu-Dia-Perfeito/354267884683145?fref=ts

Como escolher os padrinhos para o seu casamento.

A primeira coisa que nos vem à mente após o pedido é falar para as pessoas do nosso convívio a grande novidade: “- Fiquei noiva! Ele me pediu em casamento!” É um momento que todos querem compartilhar da nossa alegria pois uma promessa de uma nova família surge! E então imediatamente pensamos: quem irá dividir da honra de ser madrinhas e padrinhos ao nosso lado no altar? Quem participou do primeiro beijo? Quem ouviu nossas histórias nas madrugadas? Quem nos deu força? Quem nos acompanhou desde o início e torceu para que chegássemos a um final feliz? Esse artigo tem o objetivo de te orientar e te mostrar como escolher os padrinhos para o seu casamento.

Claro que os questionamentos acima deveriam nos levar até ao nome de algumas pessoas que terão a honra de entrar pelo cortejo, sentar na primeira fileira e assistir a tudo com pompa e honra. Mas nem sempre é assim…Somos levados a convidar aquela comadre da nossa mãe, por simples pressão, e também a concordar com o “melhor amigo” do noivo ser convidado, apesar de sabermos que esse só o fazia sair pra beber com outros solteiros… Rs…Faz parte!

Mas meu questionamento é, além de saber como escolher o padrinho, o que realmente é ser madrinha ou padrinho em um casamento? Qual o objetivo? Qual o verdadeiro propósito?

padrinhos para o seu casamento
padrinhos para o seu casamento

O padrinho é aquele que vai te ajudar na preparação, seja em apoio moral, seja no chá de panela e dar apoio no dia com pequenas tarefas. Mas esse título se estende por toda a vida. O verdadeiro padrinho é aquele que, ao longo da vida matrimonial, irá ser um apoio diante de possíveis crises, que irá aconselhar e auxiliar o casal a conduzir as diferenças, superando-as rumo a uma vida de harmonia, paz e parceria!

Como a madrinha exerce um papel de confiança, a noiva provavelmente poderá pedir opinião sobre itens do casamento como, por exemplo, qual espumante servir, qual vestido usar, qual o melhor penteado, lembrancinhas etc… Todas as madrinhas e amigas querem agradar à noiva, mas essas respostas precisam ser sinceras pois, como amiga e ouvinte, a madrinha pode poupar noites de insônia da noiva! Rs…

Hoje em dia é comum as madrinhas receberem a orientação de qual cor deve ser o vestido, algumas torcem o nariz, outras acham que facilita muito a vida. Os padrinhos recebem orientação da cor do terno ou da gravata. Essa é uma tradição norte-americana, mas que no Brasil vem ganhando mais adeptos. Tem sempre aqueles que gostam de inovar, não é verdade? Isso vai depender do planejamento da noiva, de sua palheta de cores e o resultado final que deseja obter nas fotos e na filmagem. Dessa forma, sendo mais complicado ou mais fácil, ser madrinha é, além de dar palpites, também saber ouvir os pedidos da noiva e levar com bom humor, pois se algum dia a madrinha for a noiva, com certeza sua afilhada agirá da mesma forma.

Outra coisa importante é sobre o mito de que o padrinho tem que dar o melhor presente. Realmente os padrinhos dão bons presentes, mas não pára por aí! A amizade é mais importante, e a fidelidade e a lealdade não têm preço. Aqueles padrinhos que chegam atrasados no dia da cerimônia podem pôr por terra o presente mais caro. Vale o bom senso!

Enfim, ser padrinho é participar ativamente dos preparativos do casamento de sua amiga ou amigo e, além disso, de todos os outros momentos importantes na vida do casal, como no nascimento dos filhos, nos aniversários, nas reuniões, nas celebrações e, como falei acima, nos auxílios. Isso sim fará com que essa linda amizade se perpetue por toda a vida!

 

Sobre a autora:

Priscilla Cintra é publicitária, empresária e cerimonialista. Paulista, está radicada em Brasília há 11 anos. Mãe da linda Helena, já realizou na capital federal mais de 700 formaturas e 150 casamentos.

www.meudiaperfeito.com.br

meudiaperfeito@yahoo.com.br

Zap: 61 98222-1316

Instagram: @meudiaperfeito_cerimonial

Facebook: https://www.facebook.com/pages/Meu-Dia-Perfeito/354267884683145?fref=ts